Falar em carboidratos pode parecer algo proibido no mundo fitness, porém, existe um deles que ajuda muitos atletas em seus treinos, a dextrose.

Você conhece? Sabe para que serve? É sobre ela que vamos falar nesse artigo.

Esse suplemento é bastante utilizado por praticantes de academia e atividades aeróbicas porque fornece energia de forma rápida e promove o prolongamento do tempo e da intensidade dos exercícios.

É necessário prestar atenção na forma de ingerir e ter uma orientação nutricional para que os efeitos sejam diferentes dos esperados.

 

Afinal, o que é a dextrose?

Nosso corpo precisa de energia para funcionar e isso ocorre através da transformação de carboidratos em glicose.

Esse processo ocorre todos os dias e existem diferenças entre os tipos de carboidrato, já que alguns são absorvidos de forma mais rápida e outros não.

A dextrose é um carboidrato simples e por isso é absorvida de forma imediata pelo organismo. Sendo assim, não é em qualquer momento do dia que ela deve ser utilizada.

Ao acordar e no pós-treino é quando acontece o catabolismo e se inicia um processo de degradação das fibras musculares. Para que isso não aconteça é necessário ingerir a dextrose para que não sejam usadas as proteínas como fonte de energia e, consequentemente haja perda de massa magra.

 

Como a dextrose auxilia no ganho de massa muscular?

Ao disponibilizar uma fonte de carboidratos, o organismo não usa as proteínas para obter energia, já que eles são mais fáceis de serem quebrados e metabolizados.

Quando não faltam esses nutrientes, a reparação muscular é mais rápida e com isso há aumento de massa magra.

A dextrose é o alimento certo para as células, na hora certa, antes que que haja perdas e que os esforços dos treinos vão por água abaixo.

Para o ganho de músculos, um outro fator é a produção de glicogênio. Ao usar a quantidade de glicose necessária, o que “sobra” vai para o fígado e se transforma em glicogênio, que é uma das principais fontes de energia para que eles se construam.

De acordo com a intensidade dos treinos, o glicogênio fornece mais de 50% da energia que é utilizada durante a musculação.

O uso da dextrose, assim como o de qualquer suplemento deve ser acompanhado por especialistas pelo fato de que a maioria das substâncias que eles contêm são metabolizadas pelo fígado e futuramente isso pode causar complicações hepáticas.

Pessoas com diabetes também devem ficar atentas antes de consumi-la.

Seu uso é excelente para o ganho muscular, mas deve respeitar os limites de seu corpo!

 

Como tomar a dextrose?

A dextose é encontrada na forma de pó, e para consumir é necessário diluir em água.

O ideal para quem faz musculação é utilizar junto com uma proteína após o treino para que haja melhores resultados.

Nos exercícios aeróbicos, o seu uso deve ser feito antes ou durante a prática, já que o atleta consome bastante energia e com isso ela não se acaba em pouco tempo.

Vale lembrar que esse suplemento deve ser ingerido apenas nos dias de treino para repor e evitar perdas musculares, para ajudar no anabolismo.

O uso excessivo não traz nenhum benefício, muito pelo contrário, por ser uma fonte de glicose, há o risco de se desenvolver diabetes, pois não haverá insulina suficiente para quebrar as moléculas que estão sobrando.

 

A dextrose engorda?

 

É possível, já que ela é um carboidrato e, como qualquer outro, pode desenvolver um acúmulo de gordura.

No entanto, isso só acontece se as quantidades tomadas forem maiores do que as necessárias para o seu organismo e se ela for utilizada de forma incorreta.

A quantidade diária recomendada é de 30 gramas, o equivalente a 120 calorias.

Para saber o quanto seu corpo precisa, consulte um nutrólogo ou nutricionista, que farão uma avaliação detalhada de seus hábitos alimentares e frequência de exercícios.

Com os devidos cuidados e orientação, treine como nunca!

Quer outra dica para não perder energia e motivação? Vá até a loja da Ziboo e escolha entre as últimas novidades em moda fitness do mercado!